domingo, 31 de agosto de 2008

ALEA JACTA EST ?

by Ivo Pugnaloni 2 comments

O prazo dado pela ANEEL para contribuições sobre a 395/08 acabou de acabar.

Mas o problema continua.

As apostas estão divididas.

Muita gente não acredita que haja retorno: para esses a ANEEL vai passar o "rolo compressor" e aprovar a proposta da APINE e APMPE.

Outros, ao contrário, acham que a proposta contem tantas ilegalidades flagrantes que nunca entrará em vigor.

Outros ainda, acham que mesmo não entrando em vigor, devido a liminares e discussões judiciais intermináveis, a "nova 395" já terá cumprido seu papel e embolado o meio de campo num setor que vinha progredindo rapidamente. Afinal, só sua simples colocação em pauta pela Agencia já terá criado uma grande insegurança jurídica no setor, embaralhando o jogo no momento em que alguns grandes grupos não estão ainda preparados para jogar como querem e um tempinho a mais seria bem-vindo.

Comments 2 comments
Guilherme disse...

Pois é Pugnaloni. Será que essa "nova 395" vai dar samba? Esperamos que não.

Um grande abraço e parabéns pelo blog!

Anônimo disse...

Sérgio Porto, o inesquecível Stanislaw Ponte Preta, compôs o "Samba do Crioulo Doido", que começava assim: "Foi em Diamantina, onde nasceu Jotaká, que a princesa Leopoldina arresolveu se casar...Mas Chica da Silva tinha outros pretendentes e convenceu a princesa a se casar com Tiradentes...
A nova 395 é só isso.Mas não tem nada de samba do crioulo doido, mas samba do dono de fundo de investimento esperto...

Ivo Augusto de Abreu Pugnaloni
Engenheiro eletricista, ex-diretor da COPEL, atual diretor da ENERCONS Consultoria em Energia Ltda.
ivo@enercons.com.br

Receba novos posts por e-mail

Parcerias

Portal PCH CERPCH

Categorias

Apresentações

IV Conferência de PCH - Mercado & Meio Ambiente

IV Conferência de PCH - Mercado & Meio Ambiente
Ivo Pugnaloni apresenta contra a proposta da ANEEL que defende fim do critério das terras para autorizar PCHs.

________________________________

Comissão de Agricultura e Desenvolvimento Rural da Câmara

Mudanças na Regulamentação de Pequenas Centrais Hidroelétricas pela Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL
Apresentação de Ivo Pugnaloni contra a proposta da ANEEL , que instituiu a preferência exclusiva, para o autor do inventário, no processo de autorização de PCHs.